Responda as questões abaixo (não há limite de tempo) para testar seus conhecimentos sobre gestão empresarial.
1. (2,0) Um determinado segmento de mercado possui um grande número de consumidores. Uma empresa decide lançar um produto neste segmento, com a meta de atingir o maior número possível de consumidores a curto prazo. Assinale abaixo a melhor estratégia de preço inicial a ser utilizada pela empresa:
a) Preço médio
b) Maior margem de lucro
c) Preço de desnatamento
d) Preço de penetração
e) Preço pacote
2. (2,0) Um fornecedor vende um produto a R$2,70 a lata. Um supermercado deseja vender o produto com um índice markup de 50%. Calcule o preço de venda.
a) R$4,05
b) R$5,00
c) R$5,40
d) R$4,50
e) R$4,25
3. (1,0) Considerando que o custo fixo de uma conveniência está na faixa de 18% do seu faturamento, que seu faturamento é de R$35.000,00 e sua empresa paga R$25.000,00 para fornecedores mensalmente, calcule a margem de lucro bruta com que sua empresa está trabalhando e informe se está sendo suficiente para obter lucro no final do mês.
a) 10,6%
b) 16%
c) 15,5%
d) – 9,7%
e) 11%
4. (1,0) Considerando que o custo fixo de um mercadinho está na faixa de 20% do seu faturamento, que seu faturamento é de R$33.000,00 e que a empresa paga R$29.000,00 para fornecedores mensalmente, calcule a margem de lucro bruta do mercado e verifique se ela está sendo suficiente para obter lucro no final do mês.
a) 6,5%
b) – 11%
c) 8,7%
d) 8,7%
e) – 7,8%
5. (2,0) Em uma disputa entre o departamento responsável pelo marketing e o setor financeiro sobre o preço de venda, você, como gestor, daria sua opinião considerando:
a) O marketing tem mais importância que o financeiro, o que o levaria a adotar a posição proposta pelo marketing.
b) Para a determinação do preço final de venda é importante que o marketing seja ouvido, mas os preços finais devem respeitar os custos de produção. Deve-se buscar uma política de preços que mantenha a competitividade da empresa e não comprometa o resultado.
c) O departamento financeiro da empresa é muito forte, pois é o grande responsável pelo controle da rentabilidade. Assim, as decisões do financeiro não podem ser contrariadas.
d) Nesses casos, devemos chamar outros departamentos para opinar sobre a decisão a ser tomada.
e) Contrata-se uma consultoria.
6. (2,0) Analise o capital circulante líquido (fluxo de caixa contábil) e fluxo de caixa abaixo e assinale com um ‘X’ a resposta INCORRETA:
Mês 1 Mês 2 Mês 3 Mês 4

Capital Circulante Líquido

10.300 9.100 8.200 8.800

Fluxo de Caixa

6.200 7.300 6.900 5.900
a) A situação é possível porque o caixa, no mês 3, começou a sentir o reflexo da tendência negativa de capital circulante líquido nos meses anteriores
b) A situação é possível porque no mês 2 a empresa recebeu parte do faturamento do mês 1 e incentivou recebimentos à vista dentro do mês
c) A situação é possível porque no mês 2 a empresa recebeu parte do faturamento do mês 1 e incentivou recebimentos à vista dentro do mês
d) A tendência negativa nos meses 1, 2 e 3 do CCL fez com que a gestão tomasse a decisão de reduzir margens e vender a preços mais competitivos
e) A situação é impossível visto que o capital circulante e o fluxo de caixa devem sempre seguir a mesma tendência